Carregando...
JusBrasil - Notícias
05 de maio de 2016

Mulher do dono das lojas Rei do Armarinho vai a júri popular

Publicado por Consultor Jurídico (extraído pelo JusBrasil) - 5 anos atrás

LEIAM 0 NÃO LEIAM

A administradora Emilie Daud Sarruf, de 52 anos, foi mandada nesta terça-feira (1º/2) a júri popular. Ela é acusada de homicídio duplamente qualificado (motivo torpe e com recurso que impossibilitou a defesa da vítima). A decisão, por votação unânime, é da 4ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de São Paulo. Emilie é apontada pelo Ministério Público como responsável pela morte do marido, o empresário Sérgio Afif Sarruf, dono da rede de lojas Rei do Armarinho.

A turma julgadora entendeu que não há necessidade de prova plena para o decreto de pronúncia, bastando que se estabeleça convencimento sobre a existência do crime e indícios de sua autoria. "No caso dos autos, examinado o acervo de provas, há razões suficientes para ensejar a pronúncia da recorrente, seja no que diz respeito à materialidade, seja quanto aos indícios de autoria da conduta narrada na denúncia, tanto que a defesa sequer se i...

Ver notícia em Consultor Jurídico

×

0 Comentário

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

ou